domingo, 3 de junho de 2018

MÁQUINA DO TEMPO - BRINQUEDOS DOS ANOS 80 - CARRINHOS


TÁ LEMBRADO ???
AMBULÂNCIA DO DR. SARATUDO - AGUA-MÓVIL CORCEL II ( AMBULÂNCIA ) - GIGANTÕES - MONZA BATE-VOLTA




Monza Bate-volta
Lançado em agosto de 1984 pela Estrela

      O Monza  Bate-Volta foi o último modelo de Bate-Volta lançado pela Estrela, sendo lançado em agosto de 1984 e produzido até março de 1988.

CLIQUE AQUI para ver fotos e mais informações deste e de outros
BRINQUEDOS DOS ANOS 80 - CARRINHOS 

      Pela primeira vez, a Estrela rompia a sua tradição de colocar à venda veículos populares das montadoras e lançá-los como modelos Bate-Volta. Isso porque o Chevrolet Monza era fabricado pela General Motors, cujo carro popular era o Chevette. Mas, como o Chevette tinha sido incluído no pacote da Jamanta Comando Eletrônico, e o Chevrolet Monza tinha sido o carro mais vendido no Brasil (superou o sempre reinante Volkswagen Gol) no ano de lançamento do brinquedo, o Chevrolet Monza foi o escolhido para ser o modelo a ser vendido.

     O exemplar vendido do Chevrolet Monza foi o modelo Hatch, que foi o modelo inicial de lançamento da General Motors para o carro.
     Foi vendido em três modelos, todos com sirene e pisca-pisca, que foram os seguintes:
- Modelo Polícia Rodoviária, na cor amarela.
- Modelo Ambulância, na cor branca.
- Modelo Bombeiro, na cor vermelha.

     Funcionavam com 2 pilhas tamanho D.
     O modelo explodiu em popularidade ao ser freqüentemente sorteado como prêmio no programa do Bozo no SBT. A cada semana, o programa sorteava 3 exemplares para as crianças que participavam das brincadeiras do programa.




GIGANTÕES DA ESTRELA 
 Lançado em maio de 1982 pela Estrela

     Gigantões foi uma série de equipamentos pesados em miniatura, fabricado pela Estrela, sendo lançado em maio de 1982 e deixando de ser fabricado em outubro de 1986.

   Era composto de três veículos: carregadeira, guindaste e caminhão basculante, fabricados na escala 1:6. 


    Os veículos eram movidos à 2 pilha grandes e tinha alavanca de câmbio que ao aciona-lá o brinquedo ia para frente ou para trás, e os pneus eram de borracha. Um verdadeiro clássico dos anos 80.






AGUA-MÓVIL CORCEL II - AMBULÂNCIA 
Lançado em agosto de 1982 pela Estrela

     O Aquamóvel - Bate-Volta foi um brinquedo fabricado pela Estrela. Lançado em agosto de 1982, tendo grande publicidade na época de seu lançamento, sendo batizado de "O Primeiro Carro Movido a Água".
     Esse modelo se diferenciava dos modelos de Bate-Volta até então fabricados, pelo fato de vir junto com o brinquedo um pequeno galão vermelho, que era utilizado para colocar água em dois orifícios no capô do carro, próximo ao pára-brisa. Ao colocar as pilhas, e ao ligá-lo, era preciso colocar água em um dos orifícios. A água fazia passar a corrente elétrica, movimentando o brinquedo.
     Na parte de baixo do brinquedo, havia um tampão vermelho, que ao ser aberto, drenava a água anteriormente utilizada.
     O modelo utilizado pelo Aquamóvel, era o Corcel II, fabricado então pela Ford, dando continuidade à política da empresa de sempre fabricar modelos de Bate-Volta tendo como base, os modelos populares das montadoras.
     De longe, foi o modelo de Bate-Volta que mais fez sucesso, sendo inclusive exportado para a Argentina, Chile, Uruguai, Paraguai, México, Colômbia, Espanha e Filipinas.
     Funcionavam com 2 pilhas tamanho D.






AMBULÂNCIA DO DR. SARATUDO
Lançado em março de 1985 pela Estrela

     O brinquedo consistia em um furgão de brinquedo em forma de ambulância. Ao se retirar uma tampa na lateral da ambulância, havia um consultório médico completo, com maca, seringas, tesouras, aparelho de Raio X, gesso, e até um paciente, para ser hospitalizado. Tudo em miniatura ou seja, você era o próprio Doutor Sara-Tudo.


     O brinquedo foi o primeiro a fazer com que as crianças tivessem contato com a atividade médica, ainda que de maneira simplificada.
Teve um grande volume de vendas, uma vez que não possuía concorrentes.
     Deixou de ser fabricado em maio de 1993.






CLIQUE AQUI para voltar à página inicial do
FRED CUNHA NEWS

Um comentário:

  1. Meu Deus do céu, eu tenho um desse aqui em casa e nem faço ideia de quanto custa a minha relíquia.

    ResponderExcluir