domingo, 24 de setembro de 2017

OS ANTIGOS - OLAVO BILAC PINTO - PARTE 20 - Santa Rita do Sapucaí - MG


Última atualização
Olavo Bilac Pinto e Militares - 
Comemoração do Dia de Delfim Moreira (1954) - Fazendinha


CLIQUE AQUI para ver mais fotos e informações dos
ANTIGOS - OLAVO BILAC PINTO - PARTE 20


     Apesar de pouco lembrado na História do Brasil, Bilac Pinto foi um personagem importante e um grande nome da política brasileira. Seu temperamento fechado e tímido não foi obstáculo para defender a democracia do País com garra e competência durante o mandato de Getúlio Vargas. O livro “Bilac Pinto: O Homem que Salvou a República”, que integra a série “Ilustres Mineiros” da Gryphus Editora, resgata a memória deste advogado, acadêmico e político que presidiu a Câmara dos Deputados, foi Embaixador do Brasil na França e encerrou sua respeitável carreira jurídica como Ministro do Supremo Tribunal Federal (STF).
   
     O autor Murilo Badaró, ex-senador e atual presidente da Academia Mineira de Letras, descreve com grande sensibilidade e acuidade a trajetória de Bilac, trazendo à tona fatos pouco conhecidos do público sobre a história política do século XX, marcado por regimes totalitários e pela luta em prol da liberdade da qual Bilac participou ativamente com grandes contribuições ao país. Bilac também travou uma admirável batalha pela transparência dos negócios públicos, que mais tarde se transformou em projeto de lei para punir o enriquecimento ilícito.
     “Desde jovem, Bilac professou o credo democrático da liberdade e igualdade formal e material de todos os homens e da supremacia do direito sobre todas as vontades”, define Célio Borja no prefácio do livro.







     Olavo Bilac Pereira Pinto, nascido em Santa Rita de Sapucaí (MG) em 1908 e batizado em homenagem ao poeta carioca, foi deputado federal pela União Democrática Nacional (UDN), eleito e reeleito nos anos de 1950, 1954, 1958 e 1962. Ascendeu à presidência da Câmara dos Deputados em fevereiro de 1965, permanecendo no cargo até dezembro do mesmo ano. Como deputado, fez a proposta de escala móvel dos salários – seu aumento automático segundo o custo de vida; foi responsável pelo projeto de lei nº 1.064 que dava regra à publicidade do Governo, além de destinada à propaganda pessoal e partidária visando à captação de sufrágios, e lutou no parlamento pela instituição do monopólio da União sobre o petróleo e a total nacionalização da Petrobras.

     “Bilac não hesitou em assumir posições de comando e de risco, mas sua atuação visou sempre à saída constitucional dos impasses que se sucediam”, esclarece Badaró.
     
Além da política nacional, o autor desfia a trama de sua vida pessoal, o casamento bem sucedido com Carminha, o relacionamento com os filhos, as dificuldades de seu temperamento distante e calado e o caráter indômito. Com tino empreendedor e gosto pelos estudos, Bilac também fundou a Editora Forense e foi pioneiro no plantio do café e do trigo no cerrado.

CLIQUE AQUI e saiba mais sobre Olavo Bilac Pinto

Bilac Pinto e sua esposa Carminha Moreira







Clique nos links abaixo para mais informações dos
OS ANTIGOS - Santa Rita do Sapucaí - MG
Adélia Duarte -  Adelino Carneiro Pinto  -  Antenor Pinto de Almeida Filho  -  Antônia Ribeiro de Carvalho (Tonica)  -  Antônio Andrade Ribeiro  -  Antônio Moreira Carneiro  -  Antônio Moreira da Costa  -  Antônio Moreira da Costa Junior  -  Antônio Rodolpho Adami  -  Bernardino José Rodrigues Torres  -  Crescêncio Ribeiro  -  Custódio Santucci  -  Dante De Marchi  -  Delcides Marques Telles  -  Delfim Moreira da Costa Ribeiro  -  Delfim Moreira Junior  -  Erasmo Cabral  -  Feliciano Marques Pereira Telles (Sanico Telles)  -  Francisca Carneiro de Abreu  -  Francisco Andrade Ribeiro  -   Francisco De Paula Souza  -  Francisco Falcão  -  Francisco Moreira da Costa  -  Frederico De Paula Cunha  -  Gabriel Capistrano Ribeiro de Alckmin  -  Geralda Adami Costa  -  Gumercindo Paduan  -   Horácio Capistrano de Alckmin  -  João Carlos Ribeiro de Magalhães  -  João de Camargo  -  João Euzébio de Almeida  -  Joaquim Carneiro de Abreu  -  Joaquim Carneiro Paiva  -  Joaquim Inácio Ribeiro  -  Joaquim Sancho Vilela  -  José Abrahão Kallás  -  José Alcides Rennó Mendes  -  José Antônio Vono Filho (Bentinho)  -  José Carvalho Viana - José Cleto Duarte  -  José Feliciano Marques Pereira  -  José Gonçalves Pereira Neto  -  José Mendes Vilela  -  Luiz Villela Bernardes -  Luzia Rennó Moreira (Sinhá Moreira)  -  Maria Cândida Carneiro Ribeiro  -  Maria Idalina de Jesus ( Maria Bonita )  -  Maximiliano Octávio de Lemos  -  Olavo Bilac Pinto  -  Omar Rangel Franqueira   - Oswaldo Campos do Amaral  -  Pedro Sancho Vilela  -  Rodolpho Guerino Adami  -  Severino Carneiro De Faria  -  Valentino Volpato   Vírgilio Ribeiro de Carvalho 


CLIQUE AQUI para ir para a página inicial do
FRED CUNHA NEWS

Nenhum comentário:

Postar um comentário